Youtube Analytics

Já fazem ao menos dois anos que o YouTube disponibilizou aos seus usuários o Insights, uma ferramenta que permite que que usuários que enviaram vídeos ao site vejam suas estatísticas. Hoje o Google refez completamente essa ferramenta, rebatizando-a de YouTube Analytics.

Enquanto que o Insights mostrava os dados de maneira pouco interativa, o YouTube Analytics vai mostrar relatórios detalhados dizendo quais vídeos estão gerando mais assinaturas no canal de um usuário, quais são os mais lucrativos, qual a média de avaliações ou marcações de vídeos como favorito e qual a retenção absoluta de público-alvo de um certo vídeo, dentre várias outras.

Essa última é particularmente interessante por que vai calcular e mostrar em um gráfico exatamente em que ponto do vídeo, com minutos e segundos, as pessoas que o estão assistindo decidiram sair para outra página ou repetir um parte. Além disso a página inicial mostra um resumo com todos os dados importantes sobre os últimos vídeos publicados e que deve oferecer uma visão geral das últimas visualizações.

O Google avisa que para ter acesso ao YouTube Analytics é necessário usar um “navegador moderno”, o que sugere que os recursos são exibidos com características específicas do HTML5.

Atenciosamente

Equipe Art Carioca

Google Analytics – Revolução em tempo Real

O Google Analytics é uma das melhores ferramentas para você acompanhar as visitas que seu blog recebe e monitorar o comportamento de seus visitantes. Uma das críticas que sempre era feita à ferramenta era sua limitação em não mostrar os visitantes em tempo real – ou seja, os números só eram mostrados algumas horas depois da visita ocorrer. Isso está resolvido na nova versão do Google Analytics. Aprenda neste artigo como tirar proveito dos relatórios em Tempo Real.

Introdução

Se você ainda não conhece o Google Analytics, sugiro a leitura do artigo Como configurar o Google Analytics em seu blog. Trata-se de uma ferramenta grátis fornecida pelo Google e que permite monitorar diversas informações sobre os visitantes de seu blog: de onde eles vêm, que páginas leu, quanto tempo ficou em seu blog e outras informações importantes.

Recentemente, o Google Analytics passou por grandes transformações e sua nova versãoveio repleta de novidades. Uma dessas novidades é algo que os usuários esperavam há muito tempo: o acompanhamento das visitas em tempo real, que só era possível em ferramentas concorrentes, como o Woopra.

Com as visitas em tempo rela, você consegue saber quantos visitantes estão em seu blog no momento em que você está com o Google Analytics aberto, acompanhando suas visitas. Fora a curiosidade em saber essa informação, ela pode ser útil de diversas maneiras. Abaixo, listo algumas possibilidades:

  • Você pode medir imediatamente qual foi o impacto da divulgação de seu artigo em uma rede social como o Twitter e Facebook, ou em agregadores de notícias
  • Também pode avaliar de forma instantânea o impacto de ações como a publicação de um artigo pago em outro site ou a compra de espaço publicitário.
  • Pode avaliar se uma mudança feita no layout de seu blog despertou interesse em seus potenciais leitores.

Você mesmo conseguirá imaginar outras possibilidades. O artigo em inglês 5 cool uses for Google Real-Time Analytics traz outras ótimas informações a esse respeito.

Acessando as estatísticas em tempo real

O primeiro passo para ter acesso às estatísticas em tempo real é ativar a nova versão do Google Analytics. Basta seguir as instruções abaixo para ativá-la e acessar as estatísticas.

1. Acesse http://www.google.com/intl/pt-BR/analytics e entre com seu usuário e senha.

2. Observe se é exibida uma mensagem como a abaixo no canto superior direito de sua tela. Se for, clique nela. Se aparecer uma opção para ir à versão antiga, significa que você já está utilizando a nova versão e não é necessário fazer nada.
GA_TempoReal05

3. Clique no endereço do seu blog e depois no nome dele.
GA_TempoReal06

4. Clique na aba “Página inicial”.
GA_TempoReal07

5. No menu lateral, clique em “Tempo real”.
GA_TempoReal08

Entendendo as estatísticas em tempo real

Ao acessar a opção citada no item anterior, você verá um novo menu contendo as opções referentes às estatísticas em tempo real.
GA_TempoReal09

Todas elas possuem algumas características em comum:

  • Os números mostrados referem-se aos visitantes que estão em seu blog naquele exato momento.
  • As informações serão atualizadas automaticamente enquanto a tela estiver aberta. Assim, se um novo visitante acessar seu blog, você verá as informações de imediato.

 Visão Geral

GA_TempoReal01

Esta é a tela principal das estatísticas em tempo real e reúne as informações que são mostradas nas demais telas. Abaixo está uma descrição de cada área da tela, seguindo a numeração da figura.

1. Número de visitantes – Aqui, é mostrado o total de pessoas que estão em seu blog. Tratam-se das pessoas que estão com alguma página de seu blog aberta em um navegador. Logo abaixo, é mostrada uma barra indicando se é um visitante novo ou recorrente (ou seja, que já havia visitado uma página sua antes).

2. Visualizações de página – Neste painel, é mostrado o número de páginas visualizadas em seu blog. Há dois gráficos, um ao lado do outro. No da esquerda, são mostradas informações referentes aos últimos 30 minutos, minuto a minuto. No da direito, mostra-se informações sobre o último minuto, segundo a segundo.

3. Principais referências – Aqui, são mostradas as páginas de onde seus visitantes vieram (no caso deles terem clicado em um link para seu blog) e o número de visitantes vindos de lá.

4. Principais páginas ativas – Nesta área, são mostradas as páginas que estão abertas e quantos visitantes há em cada uma delas.

5. Principais palavras-chave – Se os visitantes atuais vieram através de mecanismos de buscas, como o Google, aqui serão mostradas as palavras que eles pesquisaram para chegar ao seu blog.

6. Principais localizações – Em um mapa, são mostrados os locais onde estão os visitantes do seu blog.

Locais

GA_TempoReal02

Nesta área, são mostradas com mais detalhes as localizações de seus visitantes. Note que você pode clicar no nome do país para ter mais detalhes sobre os visitantes.

 Origens de Tráfego

GA_TempoReal03

Aqui, são detalhadas as páginas de origem dos visitante. De forma similar à tela anterior, você pode clicar no tipo da origem para visualizar de quais sites os visitantes vieram.

 Conteúdo

GA_TempoReal04

Nesta área, são mostras as páginas do seu blog que estão sendo visitadas naquele momento. Ela possui uma pequena diferença em relação às anteriores: se você clicar na opção “Visualizações de página (nos últimos 30 minutos)”, destacada na figura, você verá as páginas vistas na última meia hora.

Visualizando suas informações hora a hora

Além das estatísticas em tempo real, a nova versão do Google Analytics oferece outra novidade interessante em relação à anterior. Mesmo que você não queira ficar acompanhando suas visitas em tempo real, você pode avaliar posteriormente as informações hora a hora, enquanto na versão anterior o período mínimo era diário. Para isso, basta clicar na opção marcada na figura abaixo:
FIGURA!!!

Essa informação é interessante para analisar o comportamento de seu visitante e determinar o melhor horário para publicar um artigo, por exemplo.

Conclusão

As estatísticas em tempo real são um recurso importante e poderoso da nova versão do Google Analytics. Com elas, o Google Analytics deixa de possuir uma limitação que era apontada por seus concorrentes como um ponto fraco, o que fortalece ainda mais a ferramenta. Cabe a você determinar a melhor forma de utilizá-las.

Atenciosamente

Equipe Art Carioca

Fonte : http://www.gerenciandoblog.com.br

Administrar Fã Page do Facebook …

Mais um excelente post do Blog Midiatismo.

Espero que gostem como nós da Art Carioca gostamos !!!

Uma excelente semana a todos.

Equipe Art Carioca.

Facebook realmente chegou com força no Brasil e grande parte das principais marcas de nosso país já tem a sua página dentro desta que é a maior rede social do mundo.

Além dos diversos problemas que profissionais da área encontram para administrar fan pages, principalmente aqueles relacionados a migração de perfil para páginas e também os que se referem a perfis bloqueados, estes profissionais também tem algumas outras dúvidas que vamos tentar esclarecer aqui e agora.

Antes de começar o gerenciamento você precisa ter uma fan page e não um perfil. Certifique-se disto.

Um erro muito comum dentro do uso do Facebook como ferramenta de marketing é a utilização de perfil por empresas ao invés de usar a fan page, mais indicada neste caso. Inclusive, temos a ‘campanha’ #cadamacaconoseugalho destinada a este tema. Caso você ainda tenha um perfil, dê uma olhada nesta nossa página.

Por que usar fan pages? Porque elas são melhores (apesar do que muitos dizem). Primeiro porque elas não são proibidas, como os perfis, e portanto você não corre o risco de ser deletado/bloqueado apenas por existir. As fan pages tem ferramenta de análise, não apenas a do próprio Facebook, mas também de várias outras ferramentas de terceiros.

Enfim, se você quer mais motivos para usar uma fan page, acesse a página da nossa campanha.

Agora que você já tem a fan page. Quem vai administrar e ficar responsável por atualizar a página?

Esta questão é levantada sempre que uma empresa decide criar um perfil em qualquer mídia social. Essa é uma questão delicada, que neste caso você tem 3 caminhos:

  1. Terceirizar o serviço;
  2. Contratar alguém para ficar responsável;
  3. Fazer você mesmo;

A terceira opção apresentada aqui quase sempre é a pior, pois a pessoa geralmente não tem prática, conhecimento técnico suficiente e muito menos tempo para realizar tal tarefa. O resultado disso é uma presença falha, que não vai atrair muitos resultados para a empresa.

A segunda opção, de contratar alguém para ficar responsável, é uma questão complicada, mas que pode ser muito boa em alguns casos. Dependendo do tamanho da empresa e a da necessidade, este profissional vai poder fazer a manutenção das mídias sociais (no caso as fan pages), fazer monitoramento das mesmas e talvez algumas tarefas extras, mas tudo isto custa dinheiro e tempo, portanto nem sempre apenas uma pessoa irá conseguir fazer tudo ou mesmo fazer tudo com qualidade.

Contratar outra empresa para ficar responsável é uma das soluções mais interessantes, já que você não gasta o seu tempo – que pode ser utilizado de outras formas – e você consegue um serviço mais completo, que pode incluir o gerenciamento, monitoramento e etc. Por outro lado é preciso ter muito cuidado, porque SIM, existem muitos “charlatões” nesse mercado.

Quem vai ser o usuário “administrador” da fan page e quem vai ter acesso a ele?

Como já falamos em um post sobre perfis de empresas que foram bloqueados, o problema referente a “como administrar uma fan page” assombra muitos profissionais da área. Infelizmente trabalhar com esta parte não é fácil, e o Facebook não ajuda muito.

Para utilizar uma fan page você vai precisar ter um administrador, que deve ser um perfil (normal ou comercial). Já falamos um pouco melhor sobre isso neste post, dê uma olhada.

De forma resumida… Você tem 3 possibilidades para usar como administrador da uma página:

  1. Perfil Comercial, que até onde eu sei você só consegue criar se ainda não tem a fan page ou se faz a conversão de um perfil para a página. (este é o mais recomendado, se possível);
  2. Usar seu perfil. Você pode deixar o seu perfil pessoal e o perfil de outra pessoa (dono, por exemplo) como administradores da página. Desta forma você consegue acessar todos os dados facilmente e, caso aconteça, de você não precisar mais trabalhar para esta fan page, basta remover o administrador e deixar com outra pessoa;
  3. Perfil “falso”. Muitas pessoas não gostam de se envolver diretamente com trabalho neste sentido, então uma solução que fica acessível a todos é criar um perfil falso, mas como é contra as regras do Facebook, recomenda-se, caso vá fazer, tentar se parecer o máximo com uma pessoa de verdade, sem levantar suspeitas. Caso utilize esta forma, cuidado para não logar em muitos computadores diferentes, já que você pode passar o usuário e senha facilmente, pois você pode ter a conta bloqueada/suspensa por suspeita de ter perfil invadido;

Já foi definido quem vai fazer toda esta manutenção. Quais ferramentas eu vou precisar?

O gerenciamento de fan pages pode ser facilitado (e muito) com a utilização de ferramenta externas. Administrar de dentro do Facebook pode ser uma tarefa complicada, já que com aplicações externas você pode aproveitar muito melhor o tempo investido nisto.

Existem diversas ferramentas para gerenciamento de mídias sociais, como TweetDeck, Seesmic e etc. Mas neste caso seria interessante focar em ferramentas que tenham foco em empresas mesmo. Uma indicação minha seria a utilização do Hootsuite, uma das melhores ferramentas para gerenciamento. Gosto dele justamente por oferecer várias ferramentas e ter suporte para mais de uma ferramenta, podendo gerenciar mais fan pages e/ou perfis em outras redes sociais ao mesmo tempo.

Por que estas ferramentas são importantes? Justamente porque elas oferecem diversas funcionalidades que pode lhe ajudar, como visualização em multi-colunas, agendamento de mensagens, monitoramento, etc.

exemplo hootsuite dashboard midiatismo Qual é a melhor forma de administrar uma fan page no Facebook?

Ferramenta escolhida, agora como eu vou saber se estou tendo resultado?

Um lado importante da utilização de qualquer mídias social e ter a análise e mensuração que possibilitam que você conheça e saiba se o seu investimento está valendo a pena. Neste caso, recomenda-se sempre a contratação de profissionais da área, mas para algumas análises básicas existem diversas ferramentas gratuitas e pagas que podem lhe ajudar.

Uma ferramenta que já indicamos aqui no Midiatismo é o Crowdbooster. Existem outras centenas de milhares de ferramentas para esta área, tudo depende de quais dados são mais importantes para você.

Leia mais sobre em: http://www.midiatismo.com.br/o-marketing-digital/midias-sociais/qual-e-a-melhor-forma-de-administrar-uma-fan-page-no-facebook#ixzz1f0HyGTY9

Atenciosamente

Equipe Art Carioca.

Como monitorar pesquisas com o Google alertas?

 Quando você precisa procurar uma informação na internet, certamente você abre um mecanismo de pesquisa e digita o que precisa. Se você está no Brasil é quase certo que abra o Google e inicie sua pesquisa.

Isso funciona muito bem quando você sabe o que está procurando, mas e se você quiser monitorar uma palavra-chave, um assunto ou até mesmo as menções ao seu site ou blog?

Para essa função, utilize o Google Alertase receba por e-mail sempre que algo for publicado a respeito.

O que é possível fazer com o Google Alertas?

  • acompanhar a evolução de um tópico atual
  • monitorar um concorrente ou setor
  • manter-se em dia com as últimas notícias sobre uma celebridade ou um evento
  • acompanhar seus times favoritos

Como utilizar o Google Alertas

Para utilizar o Google Alertas, basta seguir os passos abaixo. Para esse teste vou criar um alerta para que, sempre que a palavra Google Adsense for mencionada, eu receba uma atualização em meu e-mail.

  1. Acesse http://www.google.com.br/alerts?hl=pt-BR
  2. Na caixa de pesquisa digite Google Adsense
  3. Em Tipo selecione o que deseja. Eu vou marcar Blogs.

Uma dica. Ao lado você vê os resultados aparecendo, ou não. Ai você vai alterando as configurações até visualizar as pesquisas que deseja)

  1. Em Frequência vou marcar Quando disponível, mas aconselho que, se o assunto for muito popular, marque Uma vez por dia.
  2. Em Volume marque Somente os melhores resultados
  3. Em Enviar para Selecione seu e-mail (será necessário estar logado em uma conta Google para aparecer essa opção, ou do contrário terá que selecionar Feed
  4. Clique em Criar alerta
Fonte : http://gfsolucoes.net/como-monitorar-pesquisas-com-o-google-alertas/?utm_source=twitterfeed&utm_medium=twitter&utm_campaign=Feed%3A+bloggustavo+%28Blog+GF+Solu%C3%A7%C3%B5es%29
Atenciosamente

Triplica número de casas com computador, diz IBGE,

 O número de residências com computadores no Brasil triplicou em dez anos, aponta o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Segundo o instituto, o percentual de domicílios brasileiros com computador saltou de 10,6%, em 2000, para 38,3% em 2010. O IBGE afirma que o computador teve o maior crescimento de presença nos domicílios entre os bens duráveis.

Apenas a presença do rádio caiu, de 87,9%, em 2000, para 81,4%, em 2010.

Os dados constam dos Resultados Preliminares do Questionário da Amostra do Censo Demográfico 2010, divulgados nesta quarta-feira.

O IBGE também aponta que, em 2010, 47,1% das residências tinham apenas telefone celular. O número de domicílios apenas com telefone fixo é muito menor: 4,7%. Segundo o levantamento, 36,1% dos domicílios tinham, em 2010, tanto telefone fixo quanto celular.

O questionário do IBGE foi aplicado em 11% do total de domicílios do País (6.192.332, em números absolutos).

Fonte : http://www1.folha.uol.com.br

Atenciosamente

Equipe Art Carioca

%d blogueiros gostam disto: